A Reserva

Encravada entre a província portuguesa de Trás-os-Montes e a província espanhola de Zamora [Castilla y León], a região da Braganzónia [Braganza+Amazónia] é considerada, como sempre foi pelo Poder [monárquico ou republicano] de Lisboa, uma autêntica Reserva de Índios, reconhecida por qualquer viajante esclarecido como das mais atrasadas da Europa.

Atrasada, abandonada, desprezada, quase renegada e indesejada!

E não poucas vezes espoliada do pouco que já lhe resta para além da genica, do orgulho e da dignidade dos que nela vão sendo ignorados!

Para os Senhores do Poder, a Braganzónia foi sempre um empecilho que apenas dá despesa, poucos impostos e quase nenhuns votos!

Que os interessou apenas enquanto foi preciso recrutar mancebos fortalhudos, habituados à fome e à porrada, para mandar às guerras de África!

A reserva abrange actualmente 106 tribos, agrupadas em 49 zonas de caça dispersas por uma área de 1.173 quilómetros quadrados.

Eram 34.752 os índios que ocupavam esta vasta área em 2001 [trinta por quilómetro quadrado].

Algumas dessas tribos, as da metade Norte da reserva, desde a fronteira espanhola até aos velhos trilhos que ligam Braganza [a tribo maior] à zona Leste de Vinhais [reserva irmã da Braganzónia] e à zona Oeste de Alcañices [reserva espanhola pouco menos desprezada por Madrid], foram há uns anos atrás, sem para tal serem ouvidas e contra-vontade, integradas no Parque Natural de Montesinho.

Transformando-lhes o quotidiano num verdadeiro inferno porque, entre outras coisas, lhes não é sequer permitido cortar livremente a lenha de que são donos para manter o fogo que lhes aquece o corpo durante o Inverno. Que na Braganzónia é rigoroso, faz doer as unhas e gelar os rios!

Agora, cada índio tem que [muito respeitosamente] solicitar aos Senhores do Parque o especial favor de uma autorização para cortar meia dúzia de paus que mal chegam para os gatos tirarem o frio do lombo!

Melhor fora que o tal Poder os abandonasse de vez à sua sorte para livremente poderem decidir o futuro!

10 abril, 2008

Choque Tecnológico

A minha fornecedora de Internet, a Telepac, enviou um SMS aos seus clientes no passado dia 5, dando conta de que entre as 00:02 e as 08:00 do passado dia 8, iria proceder a 'trabalhos de manutenção', pedindo antecipadamente desculpa pelos incómodos porventura causados.

Não sei se os 'trabalhos' foram de muita ou pouca monta. Sei é que nunca mais tive Internet. Depois de ter reconfigurado e reiniciado o 'router' mais de uma dúzia de vezes, este continua sem dar qualquer sinal de vida. Três dias passados, depois de vários telefonemas para o número de apoio da Telepac, colocando a questão a uma data de rapazes e raparigas que se revezam do outro lado da linha, de Internet, nada!




Engraçado é como aquela rapaziada me tem 'despachado', afirmando que o problema não é da Telepac, que a linha está a funcionar correctamente, e que se não tenho Internet tal será certamente devido a algum problema com o meu 'router'. Coisa impossível de ser, pois foi já experimentado noutro computador, noutra linha, e tudo funciona como é suposto funcionar.

Ah! Dizem-me também que se o 'router' tivesse sido comprado directamente à Telepac, em vez de no comércio normal, como foi, o problema poderia [afinal sempre há um problema] ser rapidamente resolvido... Filhos da Puta!

Serve isto apenas para que quem por aqui costuma passar não pense que emigrei, que passou por aqui a ASAE, que fui presa, ou que me voltou a dar a preguiça do mês passado. E para dizer que não vejo forma de tão cedo resolver a questão, a não ser mandar de vez a Telepac à merda e mudar de fornecedor. Coisa que neste cú de mundo, onde o choque tecnológico do Sr. Sócrates e o 'cabo' a sério não passam de miragens, se torna um bocado complicado em face da fraca qualidade do serviço prestado pela fraca concorrência instalada. Entretando irei passando por aqui a partir do meu antigo computador, ligada à linha de telefone normal por um velhinho 'modem' pré-USB, que por sorte não havia ainda ido parar ao lixo...


20 comentários:

MPS disse...

Caríssima PV

Não sei se será por essas, se por outras, mas os meus sobrinhos e irmã que aí vivem adoptaram uma rede móvel.

Quanto ao "choque tecnológico": diga lá que não está chocada? Que ninguém acuse o homem de mentir. Choca-nos todos os dias, a todos e a cada um! E tem cá uma técnica!

Um abraço

aDesenhar disse...

não disseram que foi um cabo submarino que cortou
ou uma gaivota que pousou
nos fios da Net?!

já mudei para o MEO,
antes também tinha o serviço da Telepac e levei algumas secas da rapaziada com algumas configurações do "router" pelo meio.
Para já corre bem, se bem que pertencem todos ao mesmo grupo.

boa sorte e
melhores dias para
a "porca da vila"

Fir disse...

Eu ainda gostava de descobrir um fornecedor de Internet que valesse a pena. São todos caros (apesar da publicidade em contrário) e todos dão problemas que não querem nem conseguem resolver. É uma lástima.
Quanto ao choque tecnológico do "eng." Sócrates, é como diz o outro: é um powerpoint.

rendadebilros disse...

... quer dizer, seguiste a avisada opinião das nossas avozinhas que mandavam guardar tudo... quem te havia de dizer que inda havias de voltar ao "velhinho" aparelho... leva isso em conta de matar saudades... quanto ao Pinóquio , há muito que já nem o ouço...
Beijos.

poesianopopular disse...

Mudas de banco, não mudas de ladrão
Mudas de seguradora, não mudas de vigarista!
Mudas de fornecedor de internet não mudas de aldrabão.
Estamos feitos -e a confiar nas sondagens, toda esta cambada vai continuar a divertir-se á nossa custa!
Abraço
José Manangão

Marreta disse...

Olha, não te incomodes a mudar de fornecedor porque a merda é toda igual.
Também já tive problemas com a Cabovisão e Tv Cabo com quem já tive (e tenho) contratos.
Com a Cabovisão aconteceu-me ficar um dia sem os três serviços (TV+Net+Telefone). Para me inteirar do que se passava, porque não houve aviso prévio, tive que, óbviamente, utilizar o telemóvel. Fiquei cerca de 20 minutos à espera para ser atendido, gastei à volta de 7 euros de chamada e quando lhes perguntei quem é que ia pagar o valor disseram-me que a Cabovisão pagava mas tinha que enviar um extracto com o detalhe da chamada, como não tenho o telemovel registado fiquei sem o dinheirinho.
E tinha mais uns 10 casos aberrantes de falta de profissionalismo e de respeito pelos clientes por parte destes fornecedores para contar.
Uma coisa é certa, não deixes de reclamar e fazer-lhes a vida negra. Livrinho de reclamações e reclamação por escrito para a Telepac e para a ANACOM. Ah, e não te esqueças de pedir o crédito sobre o tempo em que não usufruiste do serviço, que eles costumam esquecer-se...
Saudações do Marreta.

Laurentina disse...

Faz isso mesmo que o Marreta te aconselha, porque para um filho da puta nada melhor que uma Grande Filho da Puta a sarnar-lhes os cornos.
É uma tristeza esta merda deste país.
A minha maior angustia é não haver ninguem com tomates para lhes colocar uma bomba á porta de casa...pulhas do carago!

fica bem "Porca"
bom fim de semana
Beijão grande

Mocho-Real disse...

O pacóvio e costumeiro acto de se estarem nas tintas para o cliente, sobretudo quando a concorrência é fraca ou nem existe.
Assim se vê o grau de desenvolvimento de um país, é nestas coisas "pequeninas" para eles que se revela desfaçatez de uma empresa prestadora de serviços. Que serviços?!

VERGONHA! TENHAM VERGONHA SEUS PACÓVIOS; SEVANDIJAS FILIBUSTEIROS, FILHOS DE UMA MÁ HORA!

Um abraço (irritado) e um bom fds (leia-se fim-de-semana !)para ti, Um grande FDS para eles!
Dixit

Jorge P.G.

samuel disse...

A arrogância da mediocridade e da incompetência é infinita. Desgraçadamente, mesmo quando existe uma "espécie de concorrência" os canalhas à socapa põe-se de acordo uns com os outros...

Boa sorte!
Abreijo

Meg disse...

Eu também não emigrei amiga Porca.
Uma ida a Lisboa e uns pequenos contratempos têm-me mantido inactiva. Mas cá estou para te dizer que tens toda a razão e deixar um xi pa ti

Porca da Vila disse...

Olá MPS,

Ainda hoje não consigo digerir bem esta história! A gente paga, e bem, por um serviço que fica longe do contratado [a questão das velocidades é uma vigarice] e ainda por cima é tratada como se fossemos nós a dever-lhes alguma coisa!

Não há pachorra que aguente!

Um Xi Grande

Porca da Vila disse...

adesenhar,

Amigos meus que têm o MEO dizem-me que aquilo não é mau de todo. O problema é que se a TV estiver ligada [pior ainda com duas], a velocidade da Internet baixa de forma assustadora!

Grata pela visita.

Xi Grande

Porca da Vila disse...

Olá 'fir',

Apesar destes meus lamentos, parece que a melhor solução para a Internet ainda será a da Telepac. Há, por isso, que aguentar.

Grata pela visita, que penso ser a primeira por aqui.

Xi Grande

Porca da Vila disse...

Olá Renda,

Foi um regresso a outros tempos, em que carregar uma página dava para ir tomar um café e voltar! Agora vi bem o que isto evoluiu nesta meia dúzia de anos!

Felizmente o problema já foi resolvido e parece estar tudo bem.

Um Xi Grande

Porca da Vila disse...

Manangão,

Parece que o melhor é não mudar, por enquanto. Parece que vem aí a NetCabo, depois se verá se vale a pena mudar. Na certeza de que não há que esperar grandes diferenças.

Xi Grande

Porca da Vila disse...

Olá Marreta,

Vou reclamar, vou! Que foi quase uma semana sem ser servida e a pagar como se fosse! No resto, também penso um pouco como tu. Não vale a pena estar a mudar para às tantas ficar ainda pior servida.

Xi Grande

Porca da Vila disse...

Laurentina,

Tal como dizes. Exceptuando a bomba, que talvez não fosse caso para tanto. Mas que me apetecia torcer-lhes o pescoço, isso é bem verdade!...

Um Xi Grande

Porca da Vila disse...

Jorge,

Falta de concorrência a sério. Essa é que é a maior questão. Verias como se punham 'finos' quando vissem os clientes a mandá-los dar uma volta!

Um Xi Grande

Porca da Vila disse...

Olá Samuel,

Realmente só a incompetência é que explica as respostas que me foram dadas ao longo destes dias por quem do outro lado atendia o telefone. E não tardará muito que já nem sejam pessoas a atender-nos, mas uma maquineta qualquer que nos repetirá vezes sem conta os mesmos disparates!

Um Xi Grande

Porca da Vila disse...

Olá Meg,

Que os teus contratempos se tenham já resolvido. Lisboa?! Olha que para mim é quase como emigrar! Que Espanha fica-me aqui bem mais perto!


Um Xi Grande

Retratos