A Reserva

Encravada entre a província portuguesa de Trás-os-Montes e a província espanhola de Zamora [Castilla y León], a região da Braganzónia [Braganza+Amazónia] é considerada, como sempre foi pelo Poder [monárquico ou republicano] de Lisboa, uma autêntica Reserva de Índios, reconhecida por qualquer viajante esclarecido como das mais atrasadas da Europa.

Atrasada, abandonada, desprezada, quase renegada e indesejada!

E não poucas vezes espoliada do pouco que já lhe resta para além da genica, do orgulho e da dignidade dos que nela vão sendo ignorados!

Para os Senhores do Poder, a Braganzónia foi sempre um empecilho que apenas dá despesa, poucos impostos e quase nenhuns votos!

Que os interessou apenas enquanto foi preciso recrutar mancebos fortalhudos, habituados à fome e à porrada, para mandar às guerras de África!

A reserva abrange actualmente 106 tribos, agrupadas em 49 zonas de caça dispersas por uma área de 1.173 quilómetros quadrados.

Eram 34.752 os índios que ocupavam esta vasta área em 2001 [trinta por quilómetro quadrado].

Algumas dessas tribos, as da metade Norte da reserva, desde a fronteira espanhola até aos velhos trilhos que ligam Braganza [a tribo maior] à zona Leste de Vinhais [reserva irmã da Braganzónia] e à zona Oeste de Alcañices [reserva espanhola pouco menos desprezada por Madrid], foram há uns anos atrás, sem para tal serem ouvidas e contra-vontade, integradas no Parque Natural de Montesinho.

Transformando-lhes o quotidiano num verdadeiro inferno porque, entre outras coisas, lhes não é sequer permitido cortar livremente a lenha de que são donos para manter o fogo que lhes aquece o corpo durante o Inverno. Que na Braganzónia é rigoroso, faz doer as unhas e gelar os rios!

Agora, cada índio tem que [muito respeitosamente] solicitar aos Senhores do Parque o especial favor de uma autorização para cortar meia dúzia de paus que mal chegam para os gatos tirarem o frio do lombo!

Melhor fora que o tal Poder os abandonasse de vez à sua sorte para livremente poderem decidir o futuro!

14 agosto, 2007

A Norte de Montesinho


"O poder de compra em Portugal é 20 por cento inferior ao registado no conjunto da média europeia a 15, enquanto os salários dos portugueses são 40 por cento inferiores aos da média comunitária. A conclusão é da OCDE."

in ' TSF-Online '


Parece que o remédio vai ser mesmo levantar o acampamento e mudá-lo para... meia dúzia de quilómetros para Norte de Montesinho! E assim deixar para trás, sem grandes saudades, este país de merda...

24 comentários:

Rendadebilros disse...

Estou de volta e vejo que isto não melhorou nada!

Beijos.

J.G. disse...

Olha que ainda és acusada de feroz anti-patriota, de saramaguista militante, de despeitada comunista, de salazarista encapotada,de anti-socialista primária, de desrespeitadora das regras democráticas, de espia ao serviço de Castela,de agitadora galega...

CUIDADO! ELES ANDEM AÍ!!!

Um abraço

Porca da Vila disse...

Olá RendaDeBilros,

O que é bom [as férias] acaba cedo, não é?

Que tudo tenha corrido bem, são os meus desejos. Já estava a sentir a tua falta por aqui.

Vou passar na tua 'casa' para ver se há novas de Itália...

Um Xi da Porca

Porca da Vila disse...

Olá Jorge,

Agora não há problema. Os bufos estão de férias!...

Xi da Porca

Menina do Rio disse...

O pais é quem precisa mudar, não os habitantes.

Beijinhos e fica bem

Porca da Vila disse...

Olá Menina do Rio,

O problema por aqui é que as mudanças são sempre para pior...

Xi da Porca

Luikki disse...

é com enorme satisfação que vejo jovens, muitos deles qualificados, a mudarem-se para países civilizados...
e não me digam que vão fazer falta ao rectângulo... que os maltrata, que os depreza e que nunca será melhor do que é agora.
há quantos anos é que andam a ouvir promessas da corja?

Porca da Vila disse...

Olá Luikki,

Esta cambada não engana ninguém com promessas. O POVO já sabe que não são para cumprir...

Xi da Porca

Meg disse...

Porca
Eu não dizia?
Eu estou farta de avisar... pelo sim pelo não, o melhor é ter a trouxa preparada.

Um abraço

Carminda Pinho disse...

Então amiga Porca, o que é lá isso?!!!
Levantar o acampamento? mas como se nós nascemos aqui?
Este é o nosso lugar, a nossa terra, se há alguém que tem que mudar não somos nós de certeza.

Beijinhos e olha que o que faz falta é ..."avisar a malta" :)

Mitro disse...

O último a sair, por favor apague a luz e feche o gás!

Porca da Vila disse...

Olá Meg,

É... Os mais novos já estão a ir, e os mais velhos começam a seguir-lhes o exemplo...

Qualquer dia não há aqui ninguém!

Xi da Porca

Porca da Vila disse...

Olá Carminda,

Pois... mas um dia a paciência acaba-se...

E são só cinco quilómetros! E do lado de lá continua a ver-se o lado de cá!...

Xi da Porca

Porca da Vila disse...

Olá 'mitro',

Aqui já quase não há nada para fechar. Tirando o Hospital e meia dúzia de Escolas...

[Grata pela visita, que suponho ser a primeira aqui à Reserva.]

Xi da Porca

Rui disse...

-Mude-se o povo, exporte-se para a China, ou melhor ainda, para a Finlândia para que aprendam a ser POVO; Sim, porque nem chineses nem finlandeses, têm por habito sair à rua a cortar o trânsito e a chamar mentiroso ao primeiro-ministro.

-Por outro lado, importemos eslavos e magrebinos que esses não exigem condições de trabalho, nem direitos que qualquer espécie e "contentam-se" apenas com salários magros e empregos instáveis por absoluta necessidade.

-Este povo de “bravos costumes”, afinal não passa de uma cambada, incapaz de entender os altos desígnios da governação, apenas por estar ocupado a tentar sobreviver. Este povo se não se presta ao governo, mude-se. Mude-se, mas que deixe o governo que esse sim sabe o que faz por si!

Porca da Vila disse...

Olá rui,

Mais prático seria se mudassem eles...

Xi da Porca

Meg disse...

Ainda não te mudaste?
Ou é preciso mudá-los a "eles"?
Reclama daqui que eu grito de lá.

Xi, posso?

Moriae disse...

És uma resistente :)

Bjo da amiga

Porca da Vila disse...

Olá Meg,

O 'cliente' neste país nunca tem razão. Por isso é que o remédio se calhar é um dia mandar isto à fava!

Um Xi da Porca

Porca da Vila disse...

Olá Moriae,

Mas cada vez com menos pachorra para aguentar os desvarios da classe política que nos vai saindo na 'rifa' das eleições...

Um Xi da Porca

Pastor Transmontano disse...

Será que seria solução vender "isto" aos espanhóis ????

Arrebenta disse...

Puro asco do Cavaco...

http://asvicentinasdebraganza.blogspot.com/2007/08/missa-breve-seguida-de-miss-negra-e.html#links

Sofia Bochmann disse...

Olá a todos!

Tenho uma novidade para dar:

Recebi um email de esclarecimento sobre a notícia que fez capa da última revista SÁBADO (Paulo Teixeira Pinto do Millennium-BCP).

http://cafepuroarabica.blogspot.com/2007/08/recebi-esta-manh-um-email-cujo-contedo.html

Um abraço!

Porca da Vila disse...

Olá pastor,

Não estou a ver bem para que é que os Espanhóis haviam de querer isto...

Xi da Porca

Retratos