A Reserva

Encravada entre a província portuguesa de Trás-os-Montes e a província espanhola de Zamora [Castilla y León], a região da Braganzónia [Braganza+Amazónia] é considerada, como sempre foi pelo Poder [monárquico ou republicano] de Lisboa, uma autêntica Reserva de Índios, reconhecida por qualquer viajante esclarecido como das mais atrasadas da Europa.

Atrasada, abandonada, desprezada, quase renegada e indesejada!

E não poucas vezes espoliada do pouco que já lhe resta para além da genica, do orgulho e da dignidade dos que nela vão sendo ignorados!

Para os Senhores do Poder, a Braganzónia foi sempre um empecilho que apenas dá despesa, poucos impostos e quase nenhuns votos!

Que os interessou apenas enquanto foi preciso recrutar mancebos fortalhudos, habituados à fome e à porrada, para mandar às guerras de África!

A reserva abrange actualmente 106 tribos, agrupadas em 49 zonas de caça dispersas por uma área de 1.173 quilómetros quadrados.

Eram 34.752 os índios que ocupavam esta vasta área em 2001 [trinta por quilómetro quadrado].

Algumas dessas tribos, as da metade Norte da reserva, desde a fronteira espanhola até aos velhos trilhos que ligam Braganza [a tribo maior] à zona Leste de Vinhais [reserva irmã da Braganzónia] e à zona Oeste de Alcañices [reserva espanhola pouco menos desprezada por Madrid], foram há uns anos atrás, sem para tal serem ouvidas e contra-vontade, integradas no Parque Natural de Montesinho.

Transformando-lhes o quotidiano num verdadeiro inferno porque, entre outras coisas, lhes não é sequer permitido cortar livremente a lenha de que são donos para manter o fogo que lhes aquece o corpo durante o Inverno. Que na Braganzónia é rigoroso, faz doer as unhas e gelar os rios!

Agora, cada índio tem que [muito respeitosamente] solicitar aos Senhores do Parque o especial favor de uma autorização para cortar meia dúzia de paus que mal chegam para os gatos tirarem o frio do lombo!

Melhor fora que o tal Poder os abandonasse de vez à sua sorte para livremente poderem decidir o futuro!

07 junho, 2007

O Papel


"Visiblemente satisfecha, la canciller alemana ha señalado que los miembros del G8 tratarán de ganarse para la causa en la lucha contra el cambio climático a sus colegas del G5, los cinco países emergentes más importantes del mundo: China, India, México, Brasil y Sudáfrica."
in ' ABC '

Do Portugal de Barrosos e Sócrates. Na Europa... e no Mundo!...

14 comentários:

J.G. disse...

Lindo o menino barrosão que ela pisa!
É mesmo a carinha dele!
Um mimo!

Abraço.

Porca da Vila disse...

Olá Jorge,

Sempre gostámos de ser prestáveis. E submissos!

Um Xi da Porca

Laurentina disse...

Ahahahahahahahahahah, lindo post ...lindo de morrer ahahahahahahah!!

Beijão grande

Porca da Vila disse...

Olá Laurentina,

Lindo... uma ova! Eu não queria estar no lugar do 'Cherne'! HeHe!

Bom fim-de-semana.

Um Xi da Porca

Meg disse...

Não é por nada, querida Porca, mas já agora eu também gostava de saber do que estão a falar... Só vejo um quadro em branco...ahahahah.
Mesmo assim melhor que ontem. Ontem era tudo branco, excepto a side-bar.
Mas volto, que recalcitrante eu sou.

Um abraço

Porca da Vila disse...

Olá Meg,

Branco? Pois eu estou a ver é tudo cada vez mais negro!...

Bom fim-de-semana.

Um Xi da Porca

Raposa Velha disse...

hehhe a matrona alemã :)

Porca da Vila disse...

Olá Raposa Velha,

Bem-vindo por estas bandas! O mais interessante do 'desenho' é que o autor não é Português, mas o Durão lá aparece na pele do cãozinho amestrado!...

Um Xi da Porca

Ka disse...

loool, escelente!!

Parabéns pelo novo design Porca, está excelente :)

Um xi da ka

Porca da Vila disse...

Olá Ka,

Obrigada. Para quem percebe pouco, como eu, esta coisa dá uma trabalheira dos diabos até ficar 'mais ou menos' afinada.

Vejo que gostaste do 'Lulu' da imagem... HeHe!

Um Xi da Porca

Meg disse...

Tenho de averiguar quem me boicota o acesso, pohh...
Só vejo o cocoruto, uma franja, um rabo de cavalo e Sejam Bem-vindos...
Parece a serra da estrela coberta de neve, juro!
E sempre me apareceu hoje esta janelinha para eu escrever este grande comentário...ahahahah

Um abraço

Porca da Vila disse...

Olá Meg,

Talvez a culpa seja minha, pois estou a testar novas imagens de 'fundo', e o 'Blogger' hoje fez questão de estar lennnnntíííííííííísssssiiiimo!

Não é a Serra da Estrela, mas é a de Montesinho que vai ficar em fundo por hoje. E de neve, nada! Foi coisa que este Inverno quase não apareceu por aqui!

Um Xi da Porca

Meg disse...

Ah estou menos infeliz... porque as coisas por aqui também andam muitas vezes mais devagar que os camelos...eheheh
Pronto, acaba lá as obras e depois falamos.

Um abraço

Porca da Vila disse...

Olá Meg,

Devagar se vai ao longe, não é?

Xi da Porca

Retratos